“Não é na ausência do outro, mas sim quando ele está, que consigo perceber o que, mesmo com alguém, ainda me falta.” – Jorge Forbes